Como Fazer Planejamento Financeiro Para Restaurante?

Para fazer um planejamento financeiro é preciso anotar tudo que foi gasto e recebido. Ou seja, controle total de todas as entradas e saídas.

Todo esse processo deve ser realizado com o foco em obter lucros mais altos e reduzir cada vez mais prejuízos.

Assim, o planejamento financeiro é muito importante para manter seu caixa em dia e conseguir fazer a separação de dinheiro para o negócio. 

Portanto, o planejamento financeiro é ideal para compreender como esta seu negócio e avaliar o que mais pode fazer para alcançar seus objetivos.

O que é o planejamento financeiro para restaurante?

O planejamento financeiro é uma estratégia indispensável para empreendedores que desejam atuar de uma forma mais estratégica. 

A partir do planejamento, você consegue ver o andamento do negócio, e organizar tudo para ter um crescimento sustentável do restaurante. 

Quando feito, fica mais fácil programar-se para pagar as despesas mensais e os impostos. E por outro lado, torna muito mais fácil enxergar quais gastos podem ser diminuídos. 

O resultado do plano financeiro é entender melhor as entradas e saídas e conseguir fazer planejamento para os próximos meses. 

Dessa forma, é muito mais prático organizar as ampliações futuras de seu restaurante e conseguir aumentar a quantidade de clientes.

Agora vamos acompanhar alguns passos de como elaborar esse planejamento financeiro. E para conferir ainda mais informações sobre o assunto, assista ao vídeo abais, do nosso canal do Youtube, sobre planejamento financeiro.

1. Mantenha um fluxo de caixa

Esse é o principal fator para controlar o que entra e sai do caixa. Pois ele influencia diretamente no planejamento financeiro. 

Um acaba dependendo do outro para funcionar de uma maneira correta e deixar tudo em dia. 

Com essa prática, você também consegue identificar erros e irregularidades, quando é encontrado um diferencial de valor é preciso buscar de onde veio e o que pode ter originado isso. 

Por isso, acaba sendo indicado usar um software de gestão no restaurante, muito mais prático que as planilhas e evita esse tipo de erros. 

O sistema vai atualizando as vendas ao longo do dia, tanto em dinheiro quanto cartão. Assim, no final do dia é só conferir os dados e ver se está tudo correto. 

É por exemplo o caso do sistema GrandChef, um sistema especializado em estabelecimentos gastronômicos que contabiliza tudo isso. 

Ele atualiza os dados a cada venda e te proporciona relatórios periódicos sempre que desejar. 

Por meio dele também, é possível ver qual colaborador estava operando o caixa e todos os dados detalhados. 

Dessa forma, quando ocorre de ter divergências de valores, é fácil descobrir com quem conferir e descobrir de onde resultou o problema. 

E lembre-se que as finanças do fluxo de caixa se referem apenas às despesas do restaurante, jamais deve ser misturado com gastos pessoais. 

2. Fazer gestão de caixa diário

Fazer uma gestão diária de caixa vai diretamente de acordo com o controle financeiro do restaurante.

Para o financeiro de sua empresa ser bom é preciso envolvimento de vários processos. 

No caso da gestão do caixa, tem que administrar as entradas e saídas de tudo que circulou. Ou seja, levar em conta pagamento de fornecedores, salários, tributos, prestações de serviço e despesas fixas, como: água, energia e aluguel.

Outra coisa que pode vir a ajudar muito é um registro de contas a pagar e receber, isso permite controlar melhor o capital e analisar a saúde financeira do restaurante.

Assim, com uma gestão diária você faz um monitoramento e ajuda a ver como as finanças estão indo.

planejamento financeiro

3. Tenha em mente cenários diferentes que podem vir a acontecer

Uma das funções do planejamento de financeiro para restaurantes é permitir você se preparar para diferentes contextos que podem surgir. 

Há uma média de três para se pensar.

A sobrevivência, em que você deve priorizar o pagamento do que é indispensável no negócio. Como a folha de pagamento dos colaboradores, comprar alimentos, contas de luz e água, entre outros. 

No cenário ideal, o dinheiro pode ser melhor investido, sem faltar de outras contas. Nesse contexto é possível investir a fim de fazer o restaurante crescer, como adquirir novos equipamentos, investir no espaço físico e mais.

E por fim vem o cenário que é o paraíso de qualquer empreendedor. Um período em que você paga as contas, faz investimentos e ainda sobra dinheiro.  

E para cada cenário desses é necessário estabelecer alguns valores. Para sobrevivência uma previsão de contas a pagar e a partir das quantias que resultar determinar as próximas.

4. Assegure a precisão dos dados

Um grande problema dos empreendedores é fazer um controle de dados aleatório, sem se certificar se os dados estão corretos. 

E realizar esse monitoramento é uma das partes mais importantes do processo de planejamento financeiro.  Assim, mais uma vez reafirmamos a importância do uso de um software de gestão como o GrandChef

Ainda mais, porque ele te proporciona um demonstrativo de resultados, que serve para evidenciar o resultado líquido. 

A DRE te detalha todos os custos e despesas da empresa. Por ele você consegue ter acesso a margem de lucro, custos de mercadoria, ticket médio, custos variáveis, fixos e muito mais informações.

Nesta funcionalidade tudo bem vem especificado, tornando fácil conferir os resultados e assegurar que estão corretos. 

Portanto, não espere ter um erro para inovar, baixe agora o GrandChef gratuitamente e comprove os benefícios de seu controle de financeiro. 

planejamento financeiro

Descubra como é ter seu restaurante na palma de sua mão de onde estiver e uma gestão toda integrada.

5. Tenha um plano de emergência

Se tratando de estabelecimentos alimentícios a demanda constantemente sofre variações. E para isso você, empreendedor, precisa ter um plano de emergência para esses períodos. 

O ideal para esse tipo de situações é ter um dinheiro de reserva, ou seja, capital de giro. 

Quando isso acaba não sendo possível, já tenha em mente mesmo com antecedência quais devem ser as prioridades a tomar em casos assim.

Para isso, converse com sua equipe veja se eles têm ideias a acrescentar, inclua cortes de gastos, negociar dívidas, pagamentos e outros aspectos. 

Dessa forma, seguindo essas dicas, o planejamento financeiro se torna eficiente é uma ferramenta estratégica para definir e concluir metas e objetivos, além de evitar crises.

Julianna Giacobbo

Formada em letras pela UNESPAR, apaixonada por livros, café e escrita. Redatora no Sistema GrandChef, buscando sempre trazer conteúdo de relevante há donos de bares, restaurantes e similares. Aspirante a escritora, sempre disposta a aprender coisas novas.

One thought on “Como Fazer Planejamento Financeiro Para Restaurante?

Deixe uma resposta

Separamos as melhores dicas para você

Preencha e receba dicas de empreendedorismo, gestão financeira, estoque, tecnologia e muito mais para poupar dinheiro e triplicar as vendas.

%d blogueiros gostam disto: